Café Gourmet

Até alguns anos, o consumo do café-gourmet era quase inexistente no país . A cultura de apreciar lotes com alta qualidade era atribuída somente a países, como Itália e o Japão. Entretanto, ações desenvolvidas por órgãos apontaram o café especial como nicho de mercado brasileiro. Atualmente esse trabalho vem sendo reconhecido pelo aumento de consumo e a desmitificação de que o grão especial é produto etilizado. O café gourmet apresenta características impares. O processo de produção o aspecto dos grãos a forma de colheita e o tipo de preparo estão entre eles. O método se inicia no plantio e na escolha da amostra de café. A qualidade do tipo Arábica é considerado 100% especial.  Esses grãos são sensíveis, precisam de atenção desde o primeiro minuto e de condições favoráveis : clima, altitude, solo rico em nutrientes e muita irrigação. 
Assim como o consumo, a produção do café-gourmet cresceu nos últimos anos. A Abic lançou o programa de Qualidade do Café (PQC) para auditar e certificar esse  processo que define a qualidade do café. Ao receber esse certificado, a empresa produtora é monitorada periodicamente e assegura a garantia de qualidade do produto ao consumidor. O aquecimento do mercado também favoreceu o lançamento de artigos para o segmento, como as capsulas de café-gourmet, consideradas tendência de consumo da bebida em dose única.
Fonte -Revista Wave
Obrigada pela Visita.

Comentários

Instagram @denainteriores

Postagens mais visitadas