Casa Cor Paraná 2015

A 21ª edição da Casa Cor Paraná abriu dia 23 de junho suas portas ao grande público e promete conduzir os visitantes a uma experiência que une passado e presente, mostrando que um imóvel centenário pode perfeitamente respirar novos ares e receber o jeito contemporâneo de morar. A sede escolhida foi a antiga Fábrika de Fitas Venske, um patrimônio arquitetônico de Curitiba construído em 1907, que abriga hoje vários negócios e espaços culturais. Os profissionais se preocuparam em preservar, restaurar e valorizar os detalhes da construção original nos 50 ambientes criados para a mostra. O pé direito de mais de três metros é um luxo e foi bem aproveitado, assim como as estruturas em madeira, os pisos, os janelões.
O retrofit dos espaços foi regido pelo tema deste ano, “Consumo Consciente”, que chamou a atenção para as ameaças de crise hídrica, para a utilização de novas fontes de energia, como o gás natural e incentivou recursos econômicos, como as lâmpadas de LED. Com esse conceito, a mostra deve surpreender o público, segundo a diretora da Casa Cor Paraná, Marina Nessi. “Sempre é um novo desafio e neste ano vamos aproveitar um espaço preservado e que se encaixa perfeitamente dentro da proposta de inovações no evento, abrindo novas oportunidades de interação com o público e também na realização de eventos e ações de relacionamento dos patrocinadores”, afirma.
Living com Lareira - Maurício Pinheiro Lima e Carla Mattioli. Respeitar a estrutura existente foi uma das premissas dos arquitetos. A dupla desenvolveu painéis que vestem as paredes, em padrão wood. Linhas retas determinam a linguagem contemporânea e elegante do espaço, que também conta com a arte gráfica e o neon assinados pelo designer Ale Mazzarolo.
Living da Atriz - Danielle Viesser. A atriz paranaense Maria Fernanda Cândido é a homenageada neste ambiente de 32 m², que parece bem maior graças aos tons leves e neutros nos estofados e nas cortinas em linho. O teto em madeira e as poltronas em couro caramelo aquecem e trazem intimismo à composição, aliados à iluminação indireta. Destaque para a parede em pedra que demarca a área da lareira ecológica em mármore.
Quarto do Casal - Viviane Loyola. O quarto inclui um ambiente de estar, e o projeto luminotécnico atende a essas duas cenas, priorizando efeitos de luz indiretos. Ele valoriza alguns detalhes, como as réguas de madeira no teto, que prolongam as linhas da estante embutida. Tons de creme e fendi se revezam, para criar uma atmosfera de tranquilidade nestes 40 m².
Quarto do Bebê - Tatielly Zammar. O ambiente de 24 m² ganha aconchego com madeira aparente, tijolinhos rústicos e forro de tecido no telhado. A profissional, grávida de sete meses, também apostou no courino branco perolizado em diferentes texturas aplicado nos móveis, combinando com o delicado papel de parede. O armário com portas em vidro confere leveza e praticidade. A mesa infantil com poltronas para brincar e os bancos com futons são pensados para acompanhar o crescimento do bebê.
Quarto da Moça – Walkiria Nossol Lobo da Rosa. Em torno de 36 m², a decoradora idealizou o “Quarto da Moça” com intensa influência da estética francesa, com seus estúdios antigos. O espaço é para “uma moça capaz de valorizar a tecnologia, mas também que admira a Belle Époque francesa e as artes, como o balé clássico. Uma moça chique, com essência despretensiosa e culta”.
Suíte – Luciana Hara. O projeto possui tranços contemporâneos onde espaços reduzidos podem ser também ambientes funcionais e luxuosos, com destaque para a banheira e lareira. Destacam-se ainda pelos tons claros, devido ao uso da madeira, vidro e mármore.
Quarto do surfista - Hellen Caroline Giacomitti. Nichos abertos em vários formatos deixam o ambiente mais informal e personalizado, ocupando boa parte do mobiliário sob medida que otimiza os 20 m². Em madeira e com detalhes laqueados, traz cor e funcionalidade. Uma novidade apresentada é o uso de textura de tecido impressa no MDF.
Quarto da Mulher Contemporânea - Samara Barbosa. Com 38 m² e um pé direito de 3,25 m, o ambiente permitiu criar um living, delimitado pela chapa em aço com iluminação interna. A padronagem de folhas recortada a laser neste painel também aparece no tecido bordado a mão nas almofadas. A placa em aço ainda recebe uma tela em vidro para a projeção de imagens. Logo abaixo foi instalada a lareira de fluido revestida em pedra riscada, com textura que lembra um tecido. Na paleta de cores, prevalecem o grafite, o gelo e o offwhite, que inspiram o tapete de 4 x 4 m sob medida.
  • Lounge Deca - Jane Rocha. Adornos decorativos feitos com talos de samambaia, cipós, sementes e diversos tipos de cascas estão presentes no espaço, que promove o encontro entre produtos naturais, a brasilidade e a tecnologia de última geração. As poltronas foram assinadas pelo designer Bruno Faucz, e a luminária é do arquiteto Bender Barbosa. A artista plástica carioca Mônica Carvalho foi convidada a criar peças exclusivas para a mostra.
  • Home Office - Carla Grüdtner. No espaço de 21 m², a madeira é destaque. O piso laminado em pinus e o revestimento de melanina no teto e nas paredes criam uma caixa aconchegante, recortada por um nicho embutido com pintura laca. Na iluminação, a escolha foi o LED, mais ecológico.
  • Cozinha Gourmet -  Um projeto multiuso, de 26 m², em um ambiente confortável e acolhedor, é a Cozinha Gourmet, assinada por Bruna Moribe e Carol Bastos. Luz natural e aproveitamento do espaço são as características que mais se destacam no local. Foi utilizada uma grande abertura no teto, denominada shed, para aproveitar a entrada de luz natural constantemente. Além disso, mini pendentes em cristal foram utilizados em repetição, tendência apresentada na Feira de Milão deste ano, para criar um clima mais intimista. A marcenaria tem um papel especial na criação do banco em madeira com almofadas, que são menores que poltronas e sofás confortáveis para momentos de descontração em família e com amigos. A bancada da pia e a mesa são produzidas em Neolith, enquanto a cuba complementa o toque moderno do ambiente. Os eletrodomésticos da Lofra complementam a parte tecnológica do projeto, como a coifa vertical, que fica embutida na bancada e só sobe para a superfície da bancada quando acionada.

  • Serviço Casa Cor Paraná 2015
    Período: de 23 de junho a 9 de agosto de 2015.
    Horário de Funcionamento: Terça a sexta das 15h às 21h; Sábados das 13h às 21h; Domingos das 13h às 19h.
    Local: Rua Fernando Amaro, 60 - Alto da XV - Curitiba/PR (A Fabrika).
  • Obrigada pela visita.

Comentários

Instagram @denainteriores

Postagens mais visitadas