Casa Cor Campinas 2016

A responsabilidade ambiental é destaque na 7ª CASA COR Campinas. As duas mansões construídas especialmente para a mostra reúnem 35 ambientes, criados por 53 profissionais - entre arquitetos, decoradores, designers de interiores, engenheiros e paisagistas - que utilizaram recursos inovadores e ecologicamente sustentáveis. Os projetos também foram inspirados no tema nacional de CASA COR para 2016, “Comemorações”.
A Casa Tropicália foi projetada pela dupla de arquitetos Daniele Guardini e Adriano Stancati, que criou uma moradia de 837 metros quadrados, com fachada revestida em pedra e integração entre interiores e exterior na área social.A Casa Bossa Nova, com assinatura das arquitetas Adriana Consulin e Izilda Moraes, é uma construção sustentável que se molda ao terreno. Ela abusa da transparência dos grandes vidros e foi composta por três níveis, com área de 820 metros quadrados.
“O processo construtivo foi inovador e ecologicamente responsável, sem tijolos, blocos ou vigas, mas com painéis monolíticos de EPS e malhas de aço galvanizado que substituem a alvenaria. O foco é na construção limpa, com sistemas de reutilização de água e energia”, detalha a diretora de relacionamento de CASA COR Campinas, Adriane Salomão Sauna. A expectativa é que o evento receba 30 mil visitantes. Confira os ambientes!


Living - Daniele Guardini e Adriano Stancati. A grande parede azul abriga a coleção de telas assinadas por artistas convidados. A madeira certificada e o porcelanato conferiram praticidade e calor, enquanto o piso cinza deu um toque sofisticado. Repare no conjunto de mesas de centro, de diferentes materiais e formatos.
Sala de Jantar - Daniele Guardini e Adriano Stancati. A marcenaria desenha o espaço, e a matéria-prima reveste inclusive as vigas e o teto. A iluminação indireta que parte dos nichos destaca os objetos expostos e adiciona um toque de cor ao ambiente. Um detalhe informal são os pufes que substituem cadeiras ao redor da mesa, criando 12 lugares.
 Loja Mercado da Juana e Restaurante – Adriana Bellão. A arquiteta integrou no mesmo projeto o espaço da loja e do restaurante El Tambo. Para destacar os produtos em exposição, utilizou linhas retas, cores neutras e detalhes em madeira para demarcar pontos de interesse. Para um resultado ainda mais leve, a iluminação foi embutida no gesso, em um desenho que complementa o da prateleira.
Cozinha e Despensa - Elisa Garrafa e Solange Viera Rubim. A dupla optou pela paleta de candy colors, com a suavidade do rosa, amarelo, azul, verde e da madeira clara. A iluminação indireta e difusa é distribuída de forma homogênea por todo o ambiente. Superfícies reflexivas e metalizadas geram um contraste moderno.
Espaço Gourmet - Andréa Barroso. No desenho da bancada em Tecnostone foi previsto espaço para embutir cooktop, forno e adegas climatizadas. A prancha em madeira foi encaixada para criar uma mesa de refeições. Na parte externa, o estar possui móveis de fibra e corda sintética desenhados pela profissional. A lareira ecológica afirma um ambiente ainda mais confortável.
Varanda da Família, Solarium e Jardim do Pôr-do-Sol - Eliana Barbosa Barros, André Zanolini, Silvia Bartholomeu, Márcia Novaes e Márcia Joly. No espaço de 300 metros quadrados, o mobiliário cria áreas de convivência, com peças adequadas à área de piscina. Destaque para a cadeira de balanço Biscuit e para os pufes de tecido impermeável que flutuam na piscina. Nas cadeiras e nas cortinas, a estampa dos tecidos é exclusiva.
Escritório da Empresária - Karina Melo e Marina Moretto. A madeira predomina no ambiente e dialoga com a parede revestida em mármore Travertino Navona. O ambiente conta com obras de artistas renomados, que formam uma composição com os nichos iluminados. A visão do jardim é garantida pela abertura em forma de caixa, com intermédio da escultura suspensa.
Sala íntima e Corredor - Lívia Sutti e Graziane Rodrigues. O ambiente integra as áreas de uso comum do pavimento superior da casa e o corredor de acesso aos dormitórios. O piso em porcelanato imita concreto, e outro destaque é a releitura do cobogó em barro, que funciona como estante para livros e objetos. Nos móveis soltos e fixos, o desenho é marcado pelas curvas com um ar retrô.
Suíte Bossa Nova - Magali Selingardi e Giovana Carvalho. As arquitetas misturaram elementos simples como o cimento queimado como fundo da parede com a sofisticação do carpete e da seda do closet. Mas o espaço também une elementos com características artesanais, como a porta de correr de madeira orgânica e os aparadores com imperfeições.
Quarto do Filho Caçula - Denise Teixeira. Pensado para uma criança de 5 anos, traz vários elementos de bombeiros para compor o tema. O piso vinílico em tom neutro, os detalhes amadeirados e as paredes claras permitem brincar com as cores, como no revestimento pastilhado que forma a cabeceira e valoriza a altura do pé-direito.
Suíte do Bebê - Fabiana Ortiz. Tijolinhos e piso que imita madeira de demolição são alguns dos revestimentos que contracenam com elementos clássicos, com destaque para o lustre em cristal. A iluminação, aliás, foi projetada considerando a sensibilidade dos olhos do bebê – nesse sentido, o tecido no teto favorece um clima acolhedor.

Casa Cor Campinas -De 31 de março a 15 de maio.
Endereço -Entre Verdes Campinas - Avenida Nova Mackenzie – Sousas.
Horário de funcionamento: terça a quinta, das 16h às 21h30; sextas, sábados, domingos e feriados, das 13h às 21h30
Obrigada pela visita

Comentários

Instagram @denainteriores

Postagens mais visitadas